RENEGOCIAÇÃO DE DÍVIDA EMPRESARIAL COM BANCOS, COOPERATIVAS E FORNECEDORES.


Somos uma empresa de consultoria financeira altamente especializada em renegociação de dívida empresarial com bancos, cooperativas e fornecedores e um dos nossos diferenciais é que sabemos exatamente tudo que os bancos podem oferecer de melhor para sua empresa em prazos, taxas e carências. Fazemos a reestruturação de dívida preventivamente em todos os bancos e em todas as linhas, seja em capital de giro, conta garantida, caixa reserva, operação fumaça (antecipação de recebível), BNDES, cheque especial e inclusive naquelas modalidades de altíssima complexidade como duplicatas descontadas que não tiveram ou não terão liquidez, sem que seu cliente seja protestado. Atendemos empresas de todo Brasil e de todos os segmentos, seja Indústria, Comércio ou Prestação de Serviços com divida total no mercado financeiro a partir de R$500.000,00 (Quinhentos Mil Reais).

Se a sua empresa está endividada em dois (2) ou mais faturamentos mensais, está utilizando de forma constante em dois (2) ou mais bancos diversas operações de capital de giro, está utilizando diversos limites de créditos rotativos como cheque especial ou está descontando duplicatas que ainda serão performadas, então sua empresa já está em situação critica, pagando taxas altíssimas, totalmente dependente de capital de terceiros, refém do sistema financeiro e precisando de urgente apoio profissional qualificado para recolocar sua empresa no caminho do crescimento e recolocar você empresário no controle financeiro. Se nada for feito de imediato, com absoluta certeza sua empresa já está com encontro marcado com sérios e gravíssimos problemas financeiros que afetarão toda sua operação. A reestruturação das dívidas bancárias em tempo poderá significar a sobrevivência da sua empresa.

Se você empresário (a) foi seduzido pelo crédito fácil e agora a conta chegou e seu orçamento mensal não está fechando, com nosso potente trabalho de reestruturação  das dívidas bancárias pessoa jurídica de forma amigável e preventiva, mesmo sua empresa estando em dificuldades financeiras e com alto endividamento bancário, você empresário (a) com nosso total apoio e suporte técnico altamente qualificado vai conseguir tirar sua empresa do vermelho, podendo ainda na grande maioria dos casos evitar a recuperação judicial (antiga concordata) ou a falência da sua empresa. Haverá redução expressiva e imediata no valor do desembolso mensal, redução expressiva de todas as taxas contratadas, carência para pagamento da primeira parcela e suas dívidas empresariais ainda ficarão qualificadas junto ao Banco Central, o que poderá habilitar sua empresa para futuros novos créditos.

Para tirar sua empresa da ciranda financeira entre em contato agora com o Grupo Plataforma, conte com nosso conhecimento altamente técnico e qualificado porque com lucidez externa vamos construir um novo e saudável rumo financeiro para sua empresa. Somos líder nacional em reestruturação de dívida empresarial desde 2003 e você empresário (a) receberá referências do nosso trabalho devidamente autorizadas de centenas de empresas já atendidas. Atendemos em todo Brasil e com o trabalho de renegociação das dívidas concluído sua empresa mudará de patamar, já que nosso proposito é levar para você empresário (a) a tranquilidade que você precisa para focar somente no seu negócio. O investimento que será realizado com a nossa contratação, que inclusive é parcelado, será rapidamente retornado porque transformamos conhecimento prático em resultados para sua empresa.

GRUPO PLATAFORMA – DICAS E SUGESTÕES SOBRE O USO CORRETO DO CRÉDITO NA SUA EMPRESA

  • Evite o uso da tal operação fumaça que antecipa seus recebíveis dos cartões de crédito, especialmente aquela modalidade de capital de giro que multiplica alguns faturamentos, porque esta operação poderá colocar sua empresa numa ciranda financeira fatal nos meses seguintes. Caso essa operação já tenha sido contratada e sua empresa já esteja em dificuldades financeiras, entre em contato conosco porque vamos auxiliá-lo para realinhar essa dívida junto ao banco com urgência.
  • Se for muito necessário antecipe apenas os recebíveis já performados (vendas já confirmadas) como desconto de duplicatas de produtos já vendidos e das vendas com cartões de crédito somente daqueles valores que já constem em sua agenda futura. Nunca utilizar empréstimos bancários para pagamento de despesas fixas (recorrentes) como aluguel, salários e despesas variáveis. Nunca utilizar cheque especial, exceto quando se tratar de extrema urgência para cobertura de imediato.
  • Nunca contrate empréstimos bancários alem de no máximo 02 faturamentos para não alavancar o endividamento bancário da sua empresa. Evite contratar empréstimos que não vão gerar receitas diretas tipo compra de prédio, frotas de veículos e etc porque esses investimentos só geram retorno no longo prazo e nesse período podem ocorrer diversos fatores macro econômicos internos, externos e até mundiais que poderão afetar por completo seu negócio. Avalie terceirizar.
  • Nunca utilize recursos de curto prazo devido ao alto custo desse dinheiro e alta exposição da sua empresa no SISBACEN, que é um sistema consultado regularmente pelos bancos para conceder novos créditos. Alem disso, qualquer apontamento ou restrição em nome da empresa ou em nome dos sócios impedirão que essa linha seja renovada e isso colocará sua empresa em dificuldade porque o banco simplesmente solicitará o pagamento daquela operação no vencimento.
  • Jamais contrate empréstimos para compra de matéria prima sem a certeza de recebimento total da venda dentro do (ciclo) prazo do empréstimo e não faça estoques exagerados, sempre que possível trabalhe com estoque próximo de zero. Se o empréstimo for necessário contrate através de capital de giro com custo menor. Não se esqueça de que qualquer crédito tem um teto recomendado pelo Banco Central, por mais multibilionário que seja a pessoa física ou jurídica.
  • Jamais faça empréstimos com bancos, factorings, parentes ou terceiros baseado numa expectativa futura de aumento de vendas ou para investimento em ativo fixo como reformas, ampliação de fábrica, aumento de estoques ou frota. Se a conta já não fecha no final do mês é sinal da urgente necessidade de fazer a reestruturação das dívidas da empresa pra longo prazo, juntamente com o aumento imediato do faturamento mensal e redução das despesas fixas e variáveis.
  • Se o uso do crédito foi diferente das dicas acima FALE CONOSCO imediatamente porque com ajuda profissional é possível realinhar esse endividamento preventivamente, de forma que as contas da sua empresa possam fechar ao final do mês sem que você precise criar novas dívidas para pagar dívidas antigas. Se nada for feito preventivamente com absoluta certeza sua empresa já está com encontro marcado com serias dificuldades financeiras e essa conta chegará!.

Utilize o formulário de contato abaixo e agende uma visita na sua empresa.

Nome para contato*

Celular com DDD*

Cidade/UF*

Em quais bancos estão as dívidas da sua empresa?*

Prazo atual das Operações da sua Empresa*

Como deseja nosso retorno*?

Seu e-mail*

Telefone com DDD (opcional)"

Valor total aproximado das dívidas da sua empresa.*

As dívidas da sua empresa estão em dia ou vencidas?*

Informe seu nível de interesse*

Como nos conheceu?*

Mensagem (Atendimento EXCLUSIVO para empresas com dívidas totais a partir de R$500.000,00)*

captcha

Digite os números/letras da imagem acima*.